NOTÍCIAS

'Escola no Legislativo Iguaçuano' conscientiza alunos sobre a proibição e os riscos de se soltar balão

10/05/2018

Alunos, professores, vereadora Renata (na frente, de preto) e corpo de servidores da CMNI no encerramento do 'Educar"

O projeto 'Educar é Lei - a Escola no Legislativo Iguaçuano', promovido pela Câmara Municipal de Nova Iguaçu, recebeu nesta manhã(10) os alunos do Colégio Souza Duarte, unidade de ensino particular localizada no bairro de Austin. O projeto de lei fictício, que "Proíbe a confecção, a venda, o manuseio, o transporte, a utilização e a soltura de balões" foi discutido, votado e aprovado por unanimidade pelos 43 estudantes presentes. Com idade entre 12 e 17 anos, cursando entre o 6º ano do Ensino Fundamental e o 3º ano do Ensino Médio, eles participaram de palestras, assistiram vídeos e assumiram o papel de vereadores, com direito a sorteio para formação da Mesa Diretora.

Shirley Alves de Souza Duarte, proprietária e diretora do Colégio acompanhou todo evento: "Iremos realizar um seminário sobre a vivência que os alunos tiveram hoje. Desejamos que eles sejam multiplicadores das informações recebidas. Acredito que a política faz parte de tudo em nossa vida, por isso precisamos participar deste mundo e criar consciência crítica", afirmou. Segundo ela, a direção irá estimular o corpo discente a criar um grêmio estudantil ainda este semestre.

A vereadora Renata da Telemensagem participou do projeto, interagindo e tirando dúvidas dos alunos. "O tema do projeto de lei discutido pelos alunos foi excelente. Está chegando a temporada de soltura de balões, atividade que já é considerada crime, e mesmo colocando em risco a vida de milhares de pessoas, e também de patrimônios, ainda é praticada por muitas pessoas em nosso país. Precisamos conscientizar os estudantes sobre este risco", disse Renata.

O 'Educar é Lei' acontece uma vez por mês e é destinado para todas as unidades de ensino, públicas ou privadas, da cidade de Nova Iguaçu. Mais informações e agendamentos com a diretora adjunta da CMNI Daniele Lage, no telefone 2667-4124.


Diretor legislativo Paulo Jordão explica como a Mesa Diretora da CMNI conduz os trabalhos da Casa


Alex Aragão, diretor administrativo, e vereadora Renata explicam sobre o funcionamento do Poder Legislativo


Diretora adjunta Daniele Lage realiza o sorteio dos "vereadores"


Vereadores por uma manhã


'Vice-presidente' Danielle Rufino, que prestará o vestibular para Odontologia ainda este ano: "Meu sonho é passar para a UFRJ


Os sorteados para figurarem como público também participam das discussões


Thiago Pereira, diretor da presidência, ensina como se solicita uma questão de ordem